Os dois lados da moeda


...para que também possamos consolar. 2 Coríntios 1:3, 4

O quadro em minha janela aparece hoje de duas maneiras: direito e avesso. É claro que você dirá que eu manipulei a foto, que inverti as cores, que decidi mostrar também a imagem em negativo. Sim, foi exatamente essa a intenção. Mas não isso que fazemos o tempo todo?

Refiro-me a olhar as coisas apenas na sua versão negativa. Tribulações, por exemplo, têm sempre dois lados. Sei que fica difícil acreditar nisso na hora da dor de dente, mas pelo menos é assim que o apóstolo Paulo apresenta a coisa toda em 2 Coríntios:

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e Deus de toda a consolação, que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, pela consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.

Alguém escreveu que "não somos confortados para nos sentirmos confortáveis, mas para confortarmos alguém". Foi o que Paulo quis dizer. É inevitável passarmos por tribulações, mas o que fazemos com elas? Emolduramos o negativo daquilo que Deus permite em nossa vida, penduramos seu resultado sinistro na parede da sala e passamos o resto da vida remoendo a dor?

Ou saímos a procurar por alguém que esteja passando por tribulação semelhante para servirmos de consoladores? É tudo uma questão de atitude.

Deus nos consola em toda tribulação na mesma medida com que somos atribulados. Nuvens carregadas podem produzir raios e chuva. Ambos têm grande poder de destruição, causando incêndios e inundações.

Todavia, juntos eles mais ajudam do que atrapalham: Os raios quebram as moléculas de nitrogênio e oxigênio na atmosfera produzindo o óxido de nitrogênio que é trazido pela chuva fertilizando o solo. Sem qualquer um deles a vida não seria a mesma.

Se elementos da natureza podem trazer bênçãos para a vida na terra, o que dizer daquilo que Deus permite que passemos aqui? Afinal, sem a morte de Cristo não haveria ressurreição. Sem o Seu sacrifício não haveria expiação ou retirada de pecados. Se não fossem pelas dificuldades aqui em baixo, será que alguém iria querer olhar para o alto?

Postagens populares