A vida no exílio


Ora, estes são os que vieram a Davi a Ziclague, estando ele ainda tolhido nos seus movimentos por causa de Saul... Estes são os que passaram o Jordão no mês primeiro, quando ele transbordava por todas as suas ribanceiras. 1 Crônicas 12:15

Choveu a noite toda e as cenas do noticiário na TV mostram cidades alagadas, casas destruídas e vidas perdidas. Muitos lugares se transformaram em um verdadeiro caos. Uma cidade que costumava receber milhares de turistas nesta época do ano está vazia por causa das chuvas. Ninguém quer ir lá.

Tampouco ninguém queria ir a Davi quando ele estava no exílio que precedeu seu reinado. Em 1 Crônicas 11 aproximam-se dele indivíduos igualmente rechaçados pela sociedade. No capítulo 12 são grupos que decidem servi-lo. No capítulo 13 os demais vão a ele com o propósito de fazê-lo rei. Davi é uma figura de Jesus.

Quando esteve aqui, apenas pobres, aleijados e enfermos O buscavam, além de seus discípulos, homens rudes e simples. Depois de sua expulsão deste mundo, ficou aqui um único grupo chamado Igreja, que é o Seu corpo. Após a partida da Igreja deste mundo o Seu povo terreno, Israel, O reconhecerá como Rei, quando Ele voltar para reinar.

Mas isto não é agora e nem é a Igreja ou os crentes deste período os Seus súditos. O Senhor não é Rei da Igreja -- Ele é o Cabeça da Igreja -- e não nos chama de súditos, mas de irmãos. Infelizmente os cristãos se deixaram levar por lobos que transformaram a cristandade numa horrível caricatura do cristianismo original, com seus templos luxuosos, organizações poderosas e influência política nos negócios deste mundo e de seu príncipe, que continua sendo Satanás. (João 14:30)

Jamais o Senhor quis que os Seus tomassem este mundo de assalto para transformá-lo em um mundo cristão. Se quisesse Ele teria enviado suas hostes angélicas para livrar Seu povo ou deixaria Pedro cortar mais orelhas com a espada no momento de sua prisão.

Tampouco Ele planejou "marchas para Jesus" ou quis fazer deste país a "maior nação evangélica do mundo", tentando fincar bandeira em uma terra de peregrinação. Quem está atrás dessas coisas não é entendido "na ciência dos tempos" (1 Cr 12:32), como eram alguns dos que se juntaram a Davi.

O momento atual é, para o cristão, como um mundo alagado, transbordando de impiedade e maldade "por todas as suas ribanceiras". No episódio de Davi, era o momento mais perigoso para se cruzar o rio Jordão. A vida para quem quiser se aproximar de Jesus não é uma vida fácil. É uma vida no exílio. Hoje Ele está por nós no céu, e nós estamos por Ele aqui.

Este não é um mundo favorável a Cristo e aos cristãos e nem irá melhorar. A apostasia ou abandono da verdade continuará a passos largos. Mas todos aqueles homens e mulheres descritos no episódio do livro de Crônicas sabiam que era melhor ser exilado com um Davi rejeitado do que morar no conforto da corte do Rei Saul.

Postagens populares